09 janeiro 2014

A propósito do Cinema Londres

Fotos do google street view de algumas das Avenidas mais importantes de Lisboa: Avenida de Roma (Cinema Londres na imagem), Avenida Fontes Pereira de Melo e Avenida da República
Mais um Cinema que fecha, desta vez o "Londres". Na internet, da esquerda à direita, chora-se o facto consumado. Eu incluído.
Mas a pergunta que faço é esta: o que é que se espera de Avenidas como estas onde todo o espaço é ocupado para o automóvel e os passeios são apenas o que resta? Que o comércio revitalize? Que abram esplanadas e lojas com montras apelativas? 
Sejamos francos: se queremos revitalização do comércio e dos serviços temos que fazer escolhas. Não vale a pena é queremos tudo e depois ficarmos sem nada.

4 comentários:

  1. a culpa é muito mais da austeridade do que do automóvel. sempre houve automóvel. o londres fechará durante a intervenção da troika.

    ResponderEliminar
  2. É verdade, a culpa é da austeridade, ou seja, do Passos. Na verdade, ainda há três anos, o povo acotovelava-se longas horas nas filas para conseguir comprar um bilhete para entrar no Londres....
    O automóvel também tem culpa, como todos sabem. Por isso é que os cinemas e os teatros postados à beira das ciclovias estão sempre a abarrotar...

    ResponderEliminar
  3. O Londres fechar não tem a ver com o tamanho dos passeios. Mais grave na zona do Londres é uma clássica segunda (e terceira) fila. No cruzamento com a Joao XXI fez-se algo para melhorar o problema, e creio que com algum sucesso.
    Os exemplos das Avenidas são interessantes, uma vez que são eixos importantes da rede viária da cidade. Ainda que haja diferenças relevantes entre elas. Também é verdade que não são as ruas onde apetece mais passear a pé. Historicamente a Av. Roma tem mais "fama" de ser uma rua de lojas que as outras duas.
    Mas que propostas em concreto devem ser feitas nestas avenidas?

    ResponderEliminar
  4. ah é verdade. a austeridade não tem nada a ver com isso. e os cinemas só conseguem sobreviver se as pessoas se acotovelarem em filas para entrar. e sim, neste mundo, a culpa do encerramento do cinema londres é dos automóveis mal estacionados, até porque a cidade de lisboa não está dotada de metro e todos os que vão para os centros comerciais aos filmes vão de carro.

    ResponderEliminar