01 julho 2013

A alegoria da caverna

Ainda a propósito deste post, fiquei recentemente confuso sobre se a autarquia Lisboeta deveria ou não proceder à remoção e limpeza destes veículos ilegalmente estacionados (do meu ponto de vista, claro), ou porventura propôr e apresentar em reuniões com os interessados que o seu ponto de vista (da autarquia) é o de que este espaço é uma ciclovia e um percurso pedonal e que o estacionamento ter-se-á que fazer em áreas existentes nas redondezas para o efeito, em espaços delimitados e para isso regulamentados (e pagos). 
Julgo que do outro lado a autarquia encontraria cidadãos que não se revêm neste conceito do direito colectivo à fruição do rio, a andar de bicicleta e a pé e, ou muito me engano ou as reuniões serão inconclusivas. Se forem inconclusivas, a autarquia deve ou não agir?

Sem comentários:

Enviar um comentário